A Mudança Veio e Continua Vindo

Sam Cooke... sinônimo de "Soul Music" e tido por muitos como o seu criador!

Infelizmente, para mim, só conheci sua música através de minhas longas noites devorando o YouTube e Google (que reputo, duas das melhores coisas já criadas nesse mundo cybernético) e, com os dois tive oportunidade de mergulhar em sua curta, porém, fantástica carreira e hoje, sou um dos seus eternos admiradores, pois, apesar de ser um sessentão, na minha época, nós reles plebes mortais tupiniquins, não tínhamos acesso à essas maravilhas, vez que,  as indústrias fonográficas, nem sempre tinham o mesmo sentimento musical nosso, pendendo muito mais para o lado comercial, se bem que, vez ou outra, escapava alguma coisa além disso, como um Otis Redding, limitado a "Settin' on the dock of the bay" (interessante como esses gênios tem seus maiores sucessos póstumos, coincidentemente os dois aqui citados Otis e Cooke são prova disso, que terão seus capitulos à parte, em blogs específicos que prometo fazer), em detrimento de "Try a little terderness, These arms of mine" e sua linda versão de "Stand by me", entre outras. Apenas citei o Otis como exemplo, mas tenho também inúmeros outros, de quem sou fã da mesma maneira, tais como Marvin Gaye, Four Tops, em especial por seu representante máximo Levi Stubbs, O'Jays...

Esta introdução fez-se necessária, para eu poder falar da letra título dessa página, pois trata-se de uma, eu não diria continuação, porquanto não sou minimamente capaz para realizar tal proeza, mas posso chamar de uma "informação" a ele, ou também um depoimento do que vejo como constatação daquilo que ele já pregava há mais de cinquenta anos.

Show especial, que acontecerá em novembro/2019, com o artista Gary Pinto, escrito por Greg Carrol, em homenagem a um dos compositores mais influentes de todos os tempos.

Clique no link e saiba mais: https://premier.ticketek.com.au/shows/show.aspx?sh=SAMCOMEL19

Pensei em colocar aqui, um vídeo demonstrando o que acabo de dizer, inclusive com ilustração pela letra original, objeto dessa homenagem, com a sua tradução, resolvi não fazê-lo, todavia, deixo a promessa de incluí-lo no blog específico que farei brevemente em dedicação a esse ícone da "Soul Music". 

Enfim, vamos à...

INTERPRETAÇÃO DA LETRA

A mudança veio e continua vindo

Quando "descobri" Sam Cooke, foi uma agradável surpresa, pois fiquei tentando entender o porquê de não tê-lo na minha lista de ídolos musicais, não obstante a clausura que estávamos sujeitos pelos interesses comerciais, que não o alcançavam à época, minha época; essa foi a única explicação plausível que encontrei para "justificar" tamanho despautério.

De qualquer forma, como dizem os sábios: antes tarde do que nunca.

 

Dentre suas canções maravilhosas e interpretações de outros, tão quanto, destaco "A Change Is Gonna Come" , que após ouvi-la por inúmeras vezes, acabou conduzindo-me a fazer algo para compartilhar com ele (e com ela, a música), embora não sei se o atrevimento será perdoado.

Segui o exemplo dele, em relação a Bob Dylan, o poeta pop.

Assim, começo dizendo a ele que o meu desejo é que esteja onde estiver, que sinta-se bem, com o dever cumprido.

A mudança que tanto clamou, está vindo, devagar, mas está acontecendo.

Sim, a nossa esperança é como aquele rio que continua correndo, sem parar e não vai parar jamais, pois a mudança vem, devagar, e é com sua herança que vamos lutar.

Ponte sobre o Rio Girassol em 1890

Foto: Domínio Público

Ponte sobre o Rio Girassol, o mesmo rio, que ainda continua correndo...

Foto: Richard Apple

O tempo é inexorável. Passa, e com ele fazemos alguma coisa mudar para melhor; outras demoram um pouco mais e ainda outras podemos até mudar, mas não acabarão jamais.

Claro que estamos longe do ideal, mas é certo que algo de bom está sim acontecendo e nossa busca continua.

Continuamos com "medo de morrer, pois..." (ainda)  "...não sabemos o que está lá em cima, além do céu".

Deus te levou tão cedo, portanto você já sabe, já tem esse privilégio de estar junto Dele.

Porém, "o desânimo" é coisa do passado e, nossos irmãos já não nos  "criticam"  mais, quando lhes pedimos ajuda, e ensinamos nossos filhos, netos e os que seguem, por isso, não desanimamos.

Você é sabedor que acreditava "não aguentar por muito tempo", mas se preparou e ficou pronto para continuar, pois sabia e dizia "a mudança virá", e encaminhou para despertar o desejo em todos, de continuarem agindo com esperança e luta.

Aliás ela já veio e continua vindo, embora não esteja como desejavas, mas o importante é  fazer-se presente, o tempo todo, em todo lugar, sem iludir, a nós mesmos.

Quando é que poderíamos imaginar, lá no começo, que um dia, teríamos o alcance dessa mudança, inclusive no seu principal líder?  Aliás, este citou você, prova que você fez sua parte, tudo valeu a pena e estava no caminho certo. 

"Isso não é boa notícia?"

Sabemos que sua luta não foi em vão!

Isso não é uma boa notícia?

Foto: Discogs

É certo que isso é apenas o limiar daquilo que buscavas e não é porque conseguimos algo, que devemos parar, ao contrário, sabemos e acreditamos que  "a mudança virá", basta lutar, mas se parar de vir, nos vamos atrás. Oh! vamos sim.

Que digam para nos calarmos, para "não ficarmos por perto", estaremos por aqui, como sempre aspiramos.

Podem até dizerem que foram poucas as mudanças, isso não importa.

Aprendemos a reconhecer o pouco que veio e que vem; ele nos nutre para continuarmos cada vez mais e, mesmo pelo pouco que chega, ficamos felizes pela vitória, e pelo quão valoroso é, todavia não nos contentamos; queremos e vamos buscar mais, sempre!

Estamos aprendendo, não desistimos jamais

É mister um mundo com diferenças.

Mas, isso não significa que tem de ser desigual!

Desde set/19

© 2019 por nelbispo.com by Wix

  • Facebook ícone social
  • YouTube
  • Twitter ícone social
  • Instagram